PRODUTOS
Outros Produtos SAPEC
Visualizar Ficha Técnica CLP
Ficha de Segurança CLP
Tabela de Compatibilidades

LMR
Consultório Online
Mais informação
PRODUTOS



O EQUADOR é um fungicida sistémico. O produto inibe a síntese da metionina e a secreção de enzimas hidrolíticas, responsáveis pela penetração do fungo. Pertence ao grupo das anilinopirimidinas e segundo a classificação FRAC (Fungicide Resistance Action Committee) está englobado no grupo D1, de acordo com o seu modo de ação.
É um fungicida com acção essencialmente preventiva. Afecta o crecimento do tubo germinativo, a formação dos apressórios e o crescimento do micélio. Se no período de 2 horas a seguir à aplicação do produto se verificar uma chuva, deve repetir-se o tratamento pois o produto não terá tido tempo de entrar na planta.

Tipo de Produto: Fungicidas
Formulação: Grânulos dispersíveis em água (WG) com 50% (p/p) de ciprodinil
Família Química: Anilinopirimidinas
Número APV/AV: AV 1063

Embalagens:
. 500 g

ATENÇÃO

A consulta do site não dispensa a leitura atenta do rótulo

Época e condições de aplicação

problema dose/conc. observações
MACIEIRA
Pedrado (Venturia inaequallis; Venturia pyrina)
50g/hL

Concentração* (Dose) - 50 g/hL (máximo 0.5 Kg/ha)
Iniciar as aplicações de acordo com as indicações do Serviço de Avisos. Na sua ausência fazer a 1ª aplicação ao aparecimento da ponta verde, repetir no estado de botão branco ou rosa e prosseguir até ao final da floração. A persistência biológica é de 7 a 10 dias. Não efetuar mais do que 3 tratamentos por campanha com este produto ou outro do grupo das anilinopirimidinas.
*A concentração apresentada baseia-se em aplicações de alto volume

PEREIRA
Pedrado (Venturia inaequallis; Venturia pyrina)
50g/hL

Concentração* (Dose) - 50 g/hL (máximo 0.5 Kg/ha)
Iniciar as aplicações de acordo com as indicações do Serviço de Avisos. Na sua ausência fazer a 1ª aplicação ao aparecimento da ponta verde, repetir no estado de botão branco ou rosa e prosseguir até ao final da floração. A persistência biológica é de 7 a 10 dias. Não efetuar mais do que 3 tratamentos por campanha com este produto ou outro do grupo das anilinopirimidinas.
*A concentração apresentada baseia-se em aplicações de alto volume

VIDEIRA
Podridão Cinzenta (Botrytis cinerea)
75g/hL

Concentração* (Dose) - 75 g/hL (máximo 0.75 Kg/ha)
As épocas fundamentais de tratamento são a floração-alimpa e o pintor. Em anos e/ou condições muito favoráveis poderão efetuar-se aplicações fungicidas ao fecho dos cachos e 3-4 semanas antes da colheita. Não efetuar mais do que 1 tratamento por campanha com este produto ou outro do grupo das anilinopirimidinas.
*A concentração apresentada baseia-se em aplicações de alto volume


Modo de Aplicação

Calibrar corretamente o equipamento, para o volume de calda gasto por ha, de acordo com o débito do pulverizador (L/min), da velocidade e largura de trabalho (distância entrelinhas) com especial cuidado na uniformidade da distribuição da calda.
A quantidade de produto e o volume de calda devem ser adequados à área de aplicação, respeitando as concentrações/doses indicadas.
Nas fases iniciais de desenvolvimento das culturas aplicar a calda com a concentração indicada. Em pleno desenvolvimento vegetativo, utilizar sempre a dose de produto/ha independentemente do volume de calda gasto.
Utilizar um volume de calda: Vinha 500-1000 L/ha; Pomóideas 500-1000 L/ha.

Modo de Preparação

No recipiente onde se prepara a calda, deitar metade da água necessária. Juntar a quantidade de produto a utilizar e completar o volume de água, agitando sempre.
Evitar deixar a calda em repouso.

Intervalo de Segurança

7 dias uvas de mesa, 14 dias uvas para vinificação, 60 dias macieira e pereira

Precauções Biológicas

- Para evitar o desenvolvimento de resistências, realizar no máximo 1 tratamento em videira e 3 tratamentos em pomóideas, por cultura e ano, com este ou outro fungicida do grupo das anilinopirimidinas;
- Alternar o uso com fungicidas com diferentes modos de ação;
- Manter a dose recomendada;
- Integrar os tratamentos com métodos não químicos, sempre que possível.

Precauções toxicológicas, ecotoxicológicas e ambientais

EUH210 - Ficha de segurança fornecida a pedido.
EUH208 – Contém ciprodinil. Pode provocar uma reação alérgica.
H410 - Muito tóxico para os organismos aquáticos com efeitos duradouros.
P103 – Ler o rótulo antes da utilização.
P270 - Não comer, beber ou fumar durante a utilização deste produto.
P280 – Usar luvas e vestuário de protecção.
P312 – Caso sinta indisposição, contacte um CENTRO DE INFORMAÇÃO ANTIVENENOS ou um médico.
P501 - Eliminar o conteúdo e a embalagem em local adequado à recolha de resíduos perigosos.
SP1 - Não poluir a água com este produto ou com a sua embalagem.
SPe3 - Para proteção dos organismos aquáticos, respeitar uma zona não pulverizada com coberto vegetal, de 5 metros videira e de 20 metros em pomóideas, em relação às águas de superfície.
SPo2 – Depois da utilização do produto, lavar todo o vestuário de protecção.
SPoPT2 – Na entrada dos trabalhadores às zonas tratadas estes deverão usar: luvas, camisa de mangas compridas, calças, meias e sapatos.
SPoPT4 – O aplicador deverá usar luvas e vestuário de protecção durante a preparação da calda e aplicação do produto.
SPoPT5 – Impedir o acesso de trabalhadores e pessoas estranhas às zonas tratadas até à secagem do pulverizado.
SPoPT6 – Após o tratamento lavar cuidadosamente as luvas tendo o cuidado especial de lavá-las por dentro.
Armazenar a temperaturas inferiores a 40ºC.
SPPT3 - A embalagem vazia não deverá ser lavada, sendo completamente esgotada do seu conteúdo, inutilizada e colocada em sacos de recolha, devendo estes ser entregues num centro de recepção autorizado Valorfito.

Em caso de intoxicação contacte o Centro de Informação Antivenenos (CIAV), telefone nº 800 250 250

Marca Registada

ASCENZA AGRO, S.A.

Nota

Os resultados da aplicação deste produto são suscetíveis de variar pela ação de fatores que estão fora do nosso domínio, pelo que apenas nos responsabilizamos pelas características previstas na Lei.